Aqui você irá ler todas as newletters que assino na internet, muitas dicas para ganhar dinheiro, trabalhar em casa, vendas na web, cursos, tutorias, dicas para webmaster, criar sites, notícias, piadas, carreiras, profissões, humor e muito mais.

GANHE MASSA MUSCULAR

Animal Pak

sexta-feira, 19 de março de 2010

Newsletter Tecnoblog (10 notícias)

Newsletter Tecnoblog (10 notícias)

Link to Tecnoblog

Primeiro carro com Android começa a ser produzido

Posted: 18 Mar 2010 08:31 PM PDT

Roewe 350: Android em movimento

A fabricante chinesa de automóveis Roewe (quem?) anunciou o início da produção do sedã médio 350, primeiro carro do mundo a chegar com o sistema operacional Android instalado.

O programa do Google, em sua versão 2.1, faz sua estreia no mundo das quatro rodas de carona no sofisticado sistema de localização e entretenimento do modelo. Além das funções convencionais de informar a localização do veículo e reproduzir CDs, DVDs, MP3 e rádios, o equipamento é capaz de se conectar à web via 3G e baixar atualizações automáticas com novos mapas e informações a respeito do trânsito.

Outra opção pra lá de ridícula inovadora é a possibilidade do motorista usar o equipamento para conversar com seus amigos em tempo real por um mensageiro instantâneo, o que certamente será uma excelente oportunidade para testar seu airbag e outros recursos de segurança.

O Roewe 350 1.5 de 105 CV e inicialmente deverá ser vendido apenas na China, por preços que variam de R$ 18 mil a R$ 33 mil. Será que ele chega no Brasil? [China Car Times]

Artigos relacionados:

Banda larga do governo deve custar entre R$ 25 e R$ 35 por mês, afirma ministro

Posted: 18 Mar 2010 06:36 PM PDT

Ministro Paulo Bernado em entrevista: banda larga do governo por até R$ 35 por mês.

Em entrevista durante o programa de rádio Bom Dia, Ministro hoje, o Ministro do Planejamento, Paulo Bernardo, afirmou que o governo pretende criar um Plano Nacional de Banda Larga com grande abrangência territorial e valores na faixa entre R$ 25 e R$ 35 mensais.

O ministro afirmou que deve ser utilizada a rede de fibra ótica da antiga Eletronet, que hoje pertence ao governo. A utilização de cabos da rede elétrica também está sendo testada e é considerada mais uma opção. Nos locais onde não chegam cabos de fibra ótica ou da rede elétrica poderão ser usados sistemas de rádio ou acesso via satélite.

Paulo Bernardo afirmou que podem ser feitas parcerias com empresas privadas. “[A empresa] terá o acesso à fibra ótica e vai fornecer para o usuário. Vamos condicionar que tenha um preço compatível." O ministro ressaltou que não será admitida venda casada, onde a operadora oferece o serviço de internet condicionado à assinatura de uma linha de telefone fixo.

O debate sobre o assunto teria sido interrompido por conta da elaboração do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 2, mas, segundo o ministro, o assunto deve retornar à pauta no final de março ou em abril, após o lançamento do PAC 2. Ele espera que, uma vez apresentado, o Plano de Banda Larga seja aprovado com rapidez pelo Congresso Nacional.

"Temos observado que há uma demanda muito grande [pela banda larga]. Se a gente fizer uma boa proposta, com certeza o Congresso vai correr para aprovar. Todos sabemos que é muito importante diminuir o custo, facilitar o acesso", disse o ministro.

A pretensão é de que, após lançado o plano, os cabos de fibra ótica estejam disseminados pelo país em dois anos. [Agência Brasil]

Artigos relacionados:

Downloads do Opera crescem com tela de escolha do IE

Posted: 18 Mar 2010 04:50 PM PDT

Lembra-se da tela de escolha que o Internet Explorer passaria a ter nos países europeus. Pois então, o recurso já está em pleno funcionamento e é um sucesso. Um sucesso especialmente para a Opera Software, empresa que desenvolve o navegador de mesmo nome.

De acordo com dados divulgados pela fabricante de software, o número de downloads do Opera subiu consideravelmente depois que ele começou a figurar nas opções do IE.

Em média, os número de downloads do Opera cresceu 130% desde que a tela de escolha entrou em ação. Ou seja, mais do que dobrou. A Polônia foi o local em que esse crescimento foi mais acentuado: 328%, sendo que a tela de escolha já representa 77% do total de downloads.

Na terra do Opera, a Noruega, o crescimento não foi tão expressivo. Com download aumentando “apenas” 53$, a tela de escolha é responsável por 37% do total de downloads do Opera.

Como a tela de escolha não está valendo no Brasil, você não vai ter como baixar o Opera por meio dessa ferramenta. Mas ainda pode entrar no site do Opera e baixar o melhor navegador do mundo que quase ninguém usa.

[via TechCrunch]

Artigos relacionados:

Estaria a tecnologia diminuindo a capacidade mental do ser humano?

Posted: 18 Mar 2010 02:50 PM PDT

Ontem estive em uma palestra de Salim Ismail, ex-VP de Inovação do Yahoo! e atual diretor executivo da Singularity University, uma instituição de ensino americana de inovação que fica dentro da NASA e que é patrocinada pelo deus Google.

Salim é uma daquelas pessoas que acreditam que a tecnologia serve para o bem e ponto. Ele defente a inovação tecnológica como um benefício para o ser humano, às vezes até de forma meio arrogante, ignorando os efeitos que determinada tecnologia pode ter na sociedade.

Um dos dados apresentados por Salim durante a palestra é o seguinte: em 20 anos, o poder computacional será equivalente ao de um cérebro humano.

Assustador, né? E seguindo a lei de Moore, este poder continuará dobrando a cada 18 meses.

O Juarez já havia comentado aqui no TB que o iPhone é considerado por muitos uma extensão do nosso corpo. Nossa memória se tornou dependente desses gadgets e da internet, e quem já utilizou um iPhone-like no dia-a-dia não consegue abrir mão destas facilidades.

Somos de fato dependentes de nossos gadgets e computadores e isso significa que a cada dia que passa nós nos esforçamos menos e menos para memorizar as informações que recebemos.

É só pensar: quantos números de telefone você sabia de cabeça há 10 anos? Quantos sabe hoje?

Para ser sincero, durante a palestra eu mal consegui guardar os dados que Salim apresentava por mais de cinco minutos. Tive que recorrer ao iPhone.

Hasta la vista, baby.

Diferente dos computadores, o cérebro humano baseia-se na prática para se aprimorar. Seguindo esta lógica, então, podemos dizer que a tecnologia estaria deixando o ser humano menos inteligente? Qual seria o impacto disso em uma pessoa que nascesse e crescesse nesse ambiente tecnologicamente dependente?

Estaríamos ficando mentalmente menos capacitados por culpa da nossa própria inteligência (que ironia, não?) e isso aumenta na velocidade em que nos tornamos mais e mais dependentes desses pequenos cérebros artificiais.

Levantei essa bola para Salim e a opinião dele foi um pouco diferente. Resumindo, a resposta pode ser entendida como: "não importam os meios, o que vale é que consigamos atingir o objetivo final (lembrar das coisas)".

Para Salim, nosso cérebro possui uma quantidade específica de energia, e essa energia é gasta conforme dedicamos ela à diferentes tarefas do nosso dia-a-dia. Sendo assim, essa virtualização do nosso cérebro é benéfica, pois podemos aproveitar melhor esta energia para emoções, uma característica exclusivamente humana que a tecnologia nunca conseguirá replicar (ou assim esperamos).

Bancando o James Cameron, ainda podemos levar essa discussão a outro nível. Deixando de exercitar o nosso cérebro, não estamos apenas diminuindo a nossa capacidade mental, como estamos colocando todo o nosso conhecimento e características pessoais nas mãos de uma máquina.

Não sei se vocês leitores acreditam na possibilidade de uma “revolução das máquinas” como Hollywood retrata, mas se alguma coisa um dia sair errado, estaremos completamente vulneráveis. Uma geração inteira de seres humanos com capacidade de raciocínio reduzida, lutando contra nossa própria inteligência, agora pertencente à nossa criação.

E que fique registrado que o texto já ficou tão grande que eu nem falei sobre os protótipos de robôs que Salim mostrou lá na palestra. A presença dos robôs no nosso dia-a-dia é mais real do que imaginamos e isso também se aproxima na velocidade da lei de Moore.

O que você leitor tem a dizer sobre isso? Deixe sua opinião nos comentários.

Artigos relacionados:

Documentos do processo Viacom vs. YouTube vêm a público

Posted: 18 Mar 2010 02:39 PM PDT

Como parte do processo iniciado pela Viacom contra o YouTube em 2007 por infração de direitos autorais, centenas de documentos que antes eram confidenciais foram disponibilizados para o acesso geral do público hoje. E as informações que eles contém são um bom exemplo de como roupa suja lavada em público é mais divertido de assistir, por assim dizer.

Um dos documentos constam as mensagens trocadas entre executivos de ambas as empresas e entre seus empregados. Numa delas, de acordo com a Viacom, um dos fundadores do YouTube pede que seu colega pare de fazer upload vídeos com direitos autorais protegidos, pois “será difícil convencer um juiz de que o YouTube não tolera vídeos protegidos quando um dos co-fundadores é quem os está enviando para o site”.

Em outro documento revelado estão evidências de que a gigante de mídia americana tentou comprar o YouTube pouco mais de um ano antes de iniciar o processo e até chegou a sugerir que ele fosse comprado em conjunto com o Google. A já a gigante de Mountain View acusa a Viacom de contratar 18 pessoas para usar computadores de lan houses com o objetivo criar contas com emails falsos e enviar os próprios vídeos para o site, alguns deles claramente modificados para simular a edição de outros clipes já publicados.

O caso será julgado ainda esse ano numa corte de Nova York, nos EUA. Os documentos da Viacom estão disponíveis nesse link e os do Google estão nesse link, ambos em inglês e juridiquês e completos com várias intrigas e especulações. [CNET]

Artigos relacionados:

Xbox 360 receberá suporte para armazenamento via USB

Posted: 18 Mar 2010 02:34 PM PDT

Dispositivos de armazenamento USB no Xbox 360 (Joystiq)

O site especializado em games Joystiq afirma ter obtido documentação confirmada por duas fontes independentes que revela que suporte a dispositivos de armazenamento via USB será em breve uma realidade no Xbox 360. O documento — que seria assinado por um Engenheiro Sênior de Desenvolvimento de Software da Microsoft — diz que, devido a um aumento na penetração de dispositivos de armazenamento USB de alta capacidade, uma atualização do sistema do Xbox 360 em 2010 permitirá que os usuários salvem e carreguem dados de jogo em um dispositivo USB. A atualização é esperada para o primavera americana de 2010 (outono aqui no Brasil).

Os gamers poderão, além dos saves, baixar jogos da Xbox Live, assim como DLC (Downloadable Content, "conteúdo baixável"). Eles poderão também armazenar no dispositivo USB jogos jogos completos provenientes de disco (ainda assim, o disco terá que ser colocado no drive para autenticação).

A principal restrição será a seguinte: cada dispositivo USB, independente de sua capacidade total, só terá 16 GB aproveitados pelo Xbox 360 para armazenamento, e um máximo de dois dispositivos serão autorizados por console, totalizando um máximo de 32 GB que podem ser utilizados dessa maneira. Mas para quem estava restrito às (bem mais caras) Memory Units de 512 MB da Microsoft, essa novidade pode ser ótima. [Joystiq]

Artigos relacionados:

Windows 7 SP1 já é dado como certo pela Microsoft

Posted: 18 Mar 2010 02:12 PM PDT

Não faz nem um ano que o Windows 7 foi lançado pela Microsft, mas hoje a empresa anunciou que o sistema terá Service Pack 1. Além do Sete, a MS também confirmou SP para o Windows Server 2008 R2, porém sem informar datas para nenhum dos dois lançamentos.

É natural que um SO como Windows, amplamente usado no mundo todo e carro-chefe de uma das maiores empresas de informática, ganhe atualizações e correções. O curioso é justamente a MS anunciar o Service Pack tão cedo, visto que o Windows 7 foi lançado em outubro de 2009.

De acordo com um porta-voz da empresa, o SP1 do Windows 7 terá majoritariamente pequenas atualizações e hotfixes que já foram entregues a donos do sistema por meio do Windows Update. O comportamento é diferente daquele observado à época do lançamento do Windows XP SP2 e do Windows Vista SP1, service packs que foram bastante aguardados pelos usuários por deixarem o sistema operacional muito mais estável e funcional.

[via ComputerWorld]

Artigos relacionados:

Operadoras de banda larga poderão ser obrigadas a garantir 50% da velocidade contratada

Posted: 18 Mar 2010 01:01 PM PDT

Foi aprovado ontem pela Comissão de Defesa do Consumidor (CDC) da Câmara dos Deputados, em Brasília, projeto de lei que obriga que as operadoras de banda larga garantam pelo menos metade da velocidade máxima de conexão contratada. Isso significa que se um cliente do Speedy, da Telefônica, contratasse a velocidade de 600kbps, nunca poderia navegar a taxas inferiores a 300kbps. Atualmente as operadoras costumam dizer que garantem apenas 10% da velocidade contratada.

O projeto de lei 6006/2009, do deputado paulista Emanuel Fernandes (PSDB) diz que “a internet no Brasil reúne o melhor e o pior dos mundos”.

Para tentar melhorar a situação, o político propõe a criação do Índice de Qualidade de Acessos às Redes Digitais, que pretende promover “a avaliação periódica de requisitos como robustez e segurança da rede, continuidade dos serviços e fornecimento de sinais nos limites contratados, entre outros”.

Tal índice passaria pela regulação da Anatel (fuuu…).

Já o segundo artigo do PL trata da velocidade de conexão que Telefônica, GVT, Oi, Claro, TIM, e demais operadoras de banda larga terão que oferecer:

“Art. 78-B Os prestadores de serviço de acesso às redes digitais de banda larga deverão garantir ao assinante, em qualquer horário, no mínimo 50% da capacidade máxima contratada.”

Uma vez que a CDC tenha aprovado parecer do relator do projeto, ele segue agora para a Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática (CCTCI – sim, tudo isso é uma só comissão) da Câmara, onde será novamente apreciada e poderá ganhar novas emendas.

Já era tempo de pelo menos uma pessoa da casa de todos os brasileiros (a Câmara) fazer algo para proteger os clientes do serviço porcamente prestado pelas operadoras de banda larga.

[via Teletime, flickr Justin Marty]

Artigos relacionados:

Panasonic lança televisão de 10 polegadas com Blu-ray

Posted: 18 Mar 2010 12:03 PM PDT

A matriz da Panasonic, que fica localizada em Osaka, no Japão, anunciou hoje que o mercado nipônico vai ganhar televisores portáteis com capacidade de reprodução de discos Blu-ray. A série DMP-BV200 faz parte da família de produtos Viera, da empresa, e será vendida por cerca de 1,7 mil reais (no Japão). Além dos discos Blu-ray, as TVs serão capazes de reproduzir DivX, MPEG-4, MPEG-2, H.264, AVCHD, ISDBT, fotos em JPEG e músicas salvas em MP3. O dispositivo foi projetado para ficar no colo.

Panasonic DMP-BV200, com 10,1 polegadas.

Panasonic DMP-BV200, com 10,1 polegadas.

Embora os discos Blu-ray normalmente sejam recomendados para filmes disponíveis em alta resolução (de 1920p), a resolução desse televisor é de apenas 1024×600 pixels, o que tira um pouco do seu apelo comercial. De acordo com o comunicado da Panasonic, a bateria do produto deve durar 3,5 horas quando estiver reproduzindo filmes em Blu-ray (a recarga completa leva 5 horas).

A pergunta que não quer calar: por que o consumidor preferiria essa televisão de mil dólares a um laptop completo e com muito mais recursos pelo mesmo preço?

[via Electronista]

Artigos relacionados:

Aplicativo do Kindle disponível para Mac

Posted: 18 Mar 2010 11:38 AM PDT

A versão 1.0 beta do aplicativo do Kindle para Mac OS X. A versão para usuários da maçã estava sendo prometida desde o lançamento do aplicativos similar para Windows, há cerca de quatro meses. Através do programa, clientes da loja de livros e periódicos em formato digital da Amazon poderão ler suas obras — inclusive com cores, algo que o e-reader não tem — agora também no Mac.

Com o iPad e sua iBook Store potencialmente ameaçando seu negócio, a Amazon traz seu aplicativo de leitura do Kindle ao Mac e completa uma longa lista de dispositivos onde seus e-books podem ser lidos: os próprios Kindle/Kindle DX, iPhone, iPod touch, BlackBerry, Windows, Mac, e em breve até mesmo no iPad (que será uma disputa interessante de assistir: o app da Amazon, líder do mercado atualmente versus o app do iBooks, o novato da Apple).

Através do aplicativo para Mac (assim como os demais) pode-se ler os livros já comprados e, através do sistema chamado Whispersync, começar a ler um livro em qualquer um dos aplicativos/dispositivos citados acima, parar e depois poder continuar em qualquer um dos outros aplicativos/dispositivos do mesmo ponto onde a leitura parou.

O aplicativo para Mac já conta com diversas funcionalidades mas, como indica o termo "beta", ainda não está completo. Algumas das próximas funções prometidas incluem a possibilidade de fazer busca no texto e de criar/editar anotações e marcações no texto, que por enquanto podem ser  apenas lidas no aplicativo.

Artigos relacionados:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Arquivo do blog

CARTÃO DE CRÉDITO GRATIS SEM CONSULTAS AO SPC E SERASA